Domingo, 09 de Agosto de 2020 Fale Conosco Redação: (45) 9.9934-0761
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

BMW Série 3 chega aos 45 anos em 7 gerações sem perder a esportividade

Auto | 31/07/2020 | 15:01 |

Apresentado ao mundo pela primeira vez em julho de 1975, aquele que se tornou um dos modelos mais conhecidos (e vendidos!) da BMW no mundo acaba de completar 45 anos. Durante esse tempo, o Série 3 passou por nada menos que 7 gerações, cresceu, constituiu família e ganhou diversas tecnologias - tudo sem perder sua principal característica: a pegada esportiva.

A primeira geração, conhecida pelo codinome E21, foi produzida até 1983 e teve o projeto assinado por Paul Bracq, chefe de design da BMW entre 1970 e 1974. A inspiração partiu do Série 5 (1972-1981) e, no geral, a carroceria de duas portas chamava atenção pela traseira bastante diferente do padrão adotado na época.

Ao todo, o modelo media 4.355 milímetros de comprimento, 1.610 de largura, 1.380 de altura e tinha distância entre-eixos de 2.563 mm. O porte representava algo inédito dentro da marca e sinalizava o nascimento do primeiro sedã esportivo compacto da empresa. Sob o capô, os motores de quatro cilindros a gasolina (produzidos até 1987) eram baseados no lendário bloco M 10 que levou o piloto Nelson Piquet ao título do Campeonato Mundial de Fórmula 1, em 1983.

A gama de versões era formada pelas variantes 316 (com potência de 90 cv), 318 (98 cv) e 320 (109 cv) - todas equipadas com carburadores solex. Opcionalmente, era oferecida a configuração 320i (nomenclatura usada até hoje), que entregava 125 cv graças ao sistema de injeção eletrônica. Os últimos algarismos de cada codinome representavam a capacidade volumétrica do motor - ou seja, o 316 tinha propulsor de 1.6 litro.

Motores maiores, como os de 6 cilindros em linha, foram introduzidos a partir de 1977 na forma dos modelos 320/6 e 323i. O primeiro utilizava um bloco de 6 cilindros com 2.0 litros de deslocamento e alimentação por injeção eletrônica de combustível. O segundo, por sua vez, tinha motor de 2.3 litros e potência de 143 cv.

O sucesso dessa primeira geração foi tamanho que em maio de 1981, após seis anos de produção, o modelo superou a marca de 1 milhão de unidades vendidas. 

Por aqui, o Série 3 é oferecido atualmente nas versões 320i GP, 320i Sport GP, 320i M Sport e 330i M Sport (todas produzidas localmente na planta em Araquari, em Santa Catarina), além das variantes 320i Sport, 330e M Sport (híbrida Plug-In) e M340i xDrive (importadas).

Fotos: Divulgação 

Fonte: BMW
PUBLICIDADE
INSCREVA-SE NA NOSSA NEWSLETTER E RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS POR E-MAIL
Senac Marechal, Cursos Técnicos, Seja Protagonista do Seu Futuro
Contrate Sonoriza Som
Arena Society
Coresul Tintas empresa genuinamente rondonense. Proteção e beleza que a sua obra precisa!